segunda-feira, 5 de março de 2007

ENFIM

SULFÚRICO
SULFRÁGIO
DE SONHOS...
QUEM PODERIA ENTENDER
O QUE É INDIZÍVEL?
SOBRE O QUE
SOBREPOR
SOMBRAS E SOBRAS
DE SOLIDÃO?
APENAS MINHA MARCA FRIA,
SE DESEJARES
EM SEU CORPO,
E O CALOR DE SEU BEIJO,
PARA ENFIM...
O FIM...

Um comentário:

Danila disse...

Quem lindo Anna!
Amei o poema!
robei e colei no orkut!
Amo te e Amo tudo no teu blog
Deusa das Trevas!
Bloody Kisses